Homem que torturou e matou a filha de cinco anos em Minas Gerais é condenado a 33 anos de prisão - Itabira Online
quinta-feira, fevereiro 29

Homem que torturou e matou a filha de cinco anos em Minas Gerais é condenado a 33 anos de prisão

Pinterest LinkedIn Tumblr +

O Tribunal do Júri de Monte Santo de Minas condenou um homem a 33 anos de prisão, em regime inicialmente fechado, pelo assassinato e ocultação do corpo da filha de cinco anos.

De acordo com a denúncia do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), após matar a criança, ele ateou fogo na criança e tentou esconder o corpo dela.  

Na sessão do Júri, o MPMG foi representado pelo promotor de Justiça César Antônio de Lima.

O conselho de sentença votou favorável a todos os pedidos do MPMG para condenar o homem por homicídio triplamente qualificado e majorado – a vítima era descendente dele – pelos crimes de ocultação e vilipêndio do cadáver.  

De acordo com a investigação, o crime ocorreu no dia 12 de janeiro deste ano, quando o homem, por motivo fútil, com emprego de tortura e de meio que dificultou a defesa da vítima, assassinou a filha, ateou fogo e tentou ocultar o corpo da menina num local ermo do município.  

Share.

Comments are closed.

  • E-mail: itabiraonlinemg@gmail.com
    Redação Itabira-Online: (31) 98794-2394
© 2020 Itabiraonline - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Marcos Tulio