Vereadora pode ser cassada por dizer que autismo é castigo - Itabira Online
domingo, junho 16

Vereadora pode ser cassada por dizer que autismo é castigo

Pinterest LinkedIn Tumblr +

Um procedimento será aberto na Câmara Municipal de Arcoverde, Pernambuco, para apurar a fala da vereador Zirleide Monteiro (PTB), que declarou em plenário que ter um filho com deficiência é “castigo de Deus”.

De acordo com o vereador Wevertton Siqueira (Podemos), informou que a equipe jurídica da Casa e os advogados apresentaram um parecer pedindo a abertura de uma investigação que pode levar à cassação da parlamentar.

A parlamentar fez uma fala capacitista contra uma servidora que trabalha na Casa de Leis que tem uma criança de 4 anos com Transtorno do Espectro Autista (TEA).

– Quando ela veio com um filho deficiente, é porque ela tinha alguma conta a pagar com aquele lá de cima. Ela já veio para sofrer – disse Zirleide, em sessão na noite da última segunda-feira (30).

A parlamentar e a mulher teriam se desentendido no último fim de semana. Segundo a vereadora, a mulher fez “chacota” com ela, ao compartilhar um vídeo que mostrava um tombo que a parlamentar levou na Câmara.

– O que essa cidadã fez durante o último final de semana, acho que ninguém merece. Agora eu, numa situação dela? Porque qualquer ensinamento que a gente passa nesta vida, serve como ensinamento para qualquer um, para que a gente não destrate outras pessoas com a chacota que ela fez no final de semana. Mas isso está na mão de Deus, e quem faz aqui, paga aqui mesmo, não vai subir lá para cima não – declarou a vereadora.

Além do procedimento de cassação, a Câmara já emitiu uma nota contra a fala de Zierleide e aprovou uma Moção de Repúdio contra ela.

Share.

Comments are closed.

  • E-mail: itabiraonlinemg@gmail.com
    Redação Itabira-Online: (31) 98794-2394
© 2020 Itabiraonline - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Marcos Tulio