Pai raspa cabelo da filha que praticou bullying contra colega com câncer - Itabira Online
quinta-feira, abril 18

Pai raspa cabelo da filha que praticou bullying contra colega com câncer

Pinterest LinkedIn Tumblr +

Desta vez o pai da adolescente de 16 anos que atacou a colega dentro da sala de aula com brincadeiras e insinuações maldosas tomou uma decisão difícil e raspou a cabeça da filha para que ela pudesse sentir na pele o que a outra jovem está vivendo. A garota teria caçoado da colega que enfrenta um câncer e chegou a arrancar a peruca da garota.

O pai que não teve o nome identificado revelou que a filha não se mostrou arrependida do que fez e que por isso merecia ser castigada. “Eu dei a ela duas opções, ou jogaria todos os seus eletrônicos fora, inclusive o celular, ou ela iria a um salão de beleza e rasparia a cabeça, ela preferiu ficar careca”.

A atitude do pai causou muita polêmica nas redes sociais, há quem o condene pelo castigo e quem o elogie acreditando que ele fez a coisa certa. Qual a sua opinião?

Share.

193 Comentários

  1. Marlene Barcelos on

    Certíssimo , respeito tem ser recíproco indiferente de qualquer coisa , meus parabéns papai

  2. 1. Contradição: Ele deu a opção de ela jogar os eletrônicos fora, porém ele mesmo usou fotografando e expondo.
    2. “Olho por olho, dente por dente”, e o mundo acaba em violência gerando violência. Portanto, nenhuma das 2 propostas edificariam na filha o sentimento e índole necessários: amor fraternal e respeito.
    3. A menina agredida não necessita de ser vingada, mas sim, respeitada e considerada. A ação optada foi inversa.
    4. Se ela não demonstrou arrependimento, prova que a atitude dela provém da aprendizagem na infância.
    5. O cabelo dela demorará muito a crescer , causará ainda arrependimento no pai que fez no calor do momento e em defesa da honra.
    Não opino em defesa da agressora, mas já que pediram opinião, segue a minha analisando se a atitude do pai beneficia para a construção da empatia, solidariedade, respeito e consideração uns para com os outros.
    Analiso porque sou professora e já assisti a essa situação em minha escola.

  3. Cicero Heliar Gomes Moraes on

    Olá
    Sou Cicero Evangelista da palavra de Deus.
    Ao ver do lado de ensino bíblico , violência gera violência e um mal não justifica outro mal ;
    Já que o pai tinha autoridade sobre a filha , Alem de tê la orientado sobre o erro deveria tê la disciplinado abstenhando a de suas aptidões pelos diversões para que repensasse o caso
    Somente perdeu a oportunidade de corrigi la e aplicar uma punição adequada..
    Quero lêmbrar que quando lidamos com adolescentes , estamos lidando com pessoas de pouca experiência de vida , por isto teem muito a aprender e devemos exercer a autoridades que nosso Deus nos deu sobre nossos filhos , sem que esta autoridade cause danos morais ou traumas psicológicos .
    Não podemos ter medo de agir pois quando o fizermos para o bem comum , o nosso Deus estará conosco .

  4. Parabens pai pela grande atitude isto mesmo filho tem q ter limite e se ela pensou ser melhor que qualquer outra pessoa tera q sentir na pele seja por ela por licao de pai ou licao da vida ..eu faria e faco o mesmo se acontecer isso.

  5. Osilanda Pereira se o cabelo da menina vai demorar a crescer imagine a da que ela arranco a lírica parabéns ao pai ao disciplinar mostrando q oq as pessoas passam vc n sabe ate passar pelo mesmo e ele mostro isso muito bem agr ela vai saber como é ficar sem cabelo e precisar conviver com isso todos os dias o dela ainda vai crescer mas e o da outra ??

  6. Osilanda Pereira se o cabelo da menina vai demorar a crescer imagine a da que ela arranco a lírica parabéns ao pai ao disciplinar mostrando q oq as pessoas passam vc n sabe ate passar pelo mesmo e ele mostro isso muito bem agr ela vai saber como é ficar sem cabelo e precisar conviver com isso todos os dias o dela ainda vai crescer mas e o da outra ??

  7. Marineide Alves da Silva on

    Hoje em dia ficar careca é moda então ela está na moda. Eu acho que ela tem que aprender a respeitar a doença das pessoas, eu sou careca porque tenho alopecia areata universal e se alguém fizer bullying comigo dou uma resposta à altura, apesar da minha idade avançada não estou nem aí pra quem seja respondo mesmo. Ando careca na rua e me sinto bem. As pessoas têm que respeitar as outras.

  8. Andreia Elias Santos on

    Ela nem.se arrependeu, foi é pouco, deveria ficar raspando a cabeça ate a colega ter seus cabelos de volta, que se Deus quiser ela vai ficar curada

  9. Estácio Cavalcanti on

    Atitude correta, só faltou a surra. Nunca, JAMAIS, zombe de alguém por doença ou pobreza, isso é desumano e merece corretivo severo.

  10. Estácio Cavalcanti on

    Atitude correta, só faltou a surra. Nunca, JAMAIS, zombe de alguém por doença ou pobreza, isso é desumano e merece corretivo severo.

  11. Fez certíssimo ! E eu ainda tiraria os eletrônicos dela quebrando minha palavra, afinal ela não sabe o que é honra e entenderia na pele literalmente o que é uma pessoa sem honra

  12. Eu apoio atitude do pai mas tbm tiraria os eletrônicos. Isso doeria mto mais do que a surra e a raspagem de cabeça. Pra adolescente ficar sem celular é pior que morrer

  13. O pai fez serto!
    Porque ela não se arrependeu.
    Se não o pai vai criar um monstrinho e depois vira um monstrão.

  14. Certíssimo sim foi pouco para essa garota agora só falta se livrar dos eletrônicos dela fora o castigo de não sair de casa por um ano ainda acho pouco

  15. O pai está certo em fazer isso com a filha pois não sabemos o dia do amanhã .depois dava uma surra de sinto

  16. Dionatan Oliveira De Carvalho on

    apenas conversar ja era o suficiente , não era para tanto , que adianta raspar a cabeça dela, se o mais importante educação e respeito ele não ensina, o cara ameaçou ela duas vezes, essas duas escolhas são ameaças, com um pai assim é obvio que ela não saiba o que é respeito.

  17. Clodoaldo ferreira on

    Errado foi ele, se tivesse ensinado valores e uma boa educação ela nao teria feito isso

  18. Wellington spilaris on

    Que pai doido cuidado pai vc um dia vai pagar caro demais quando o pai dela ficar doente ela vai abandona o pai no asilo ate ele morrer e a filha não vai visitar ele nunca mais ela já tomou raiva do pai dela e ódio rancor e ate nojo da cara do pai esse pai fez errado e o pai pode pegar cadeia e prisão a filha não deve gosta mas do pai dela mas pai doido covarde faltou educação do pai dela dialogo também do pai

  19. Se fosse minha filha, como punição, faria ela trabalhar como voluntária num hospital que atende doentes de câncer.

  20. Não daria opção. Seria como castigo: ficar sem os eletrônicos (sendo todos doados ou jogados fora) e tbm mandaria raspar a cabeça. E depois mandaria ser voluntária em hospital do câncer. E faria ela escrever cartas com palavras de ânimo e esperança para as pessoas do hospital.

  21. Pode ser que ele tenha ensinado o certo. Isso não significa que a filha seguirá os bons ensinamentos. As pessoas escolhem suas próprias atitudes. De repente a conversa já não era mais o suficiente. Não se sabe o contexto da educação dada a filha. Pelo menos eu não sei. Não os conheço.

  22. Geraldo Bohessef on

    Vi gente comentando que o pai não educou a filha, ora, essa pessoa sabe de alguma coisa na vida dessa família ? Desde quando filhos estão seguindo o que os pais ensinam ? Uma professora foi contra, a moça, com 16 anos não se arrependeu em momento algum, então vamos deixar pra lá. O outro vem que violência gera violência, ora a maior parte da violência gerada, partiu de um ato de violência, no caso a violência que gerou a violência foi a moça que arrancou a peruca da menina, ela que fez gerar a violência contra ela. outro já enfiou até religião no meio. Se um dia ele acabar num asilo, pelo menos estará com a consciência tranquila de que fez o certo e se parar, não vai ser por causa disso e sim porque a filha já nasceu ruim. Eu ainda daria uma boa surra, se não respeita os outros, não merece respeito algum.

  23. Ele esta certíssimo faria o msm q ele fez…ela tem q aprender respeitar o próximo e tbm ela ñ sabe o dia de amanhã, hj é a menina outro dia pode ser ela!

  24. Vejo as pessoas críticando o pai, até dizendo que a culpa foi dele por não ter educado a filha! Eu creio q ele educou sim, Os pais educam seus filhos para viverem no mundo, mais quando eles começam ver o sentido da vida, muito desviam dos ensinos de seus pais, a atitude do pai foi certa, não e certo o a filha fez! Vigança gera vingança, oq ele fez não foi vingança, ele apenas fez o que deveria ser feito, pois se não corrigir os de fora corrige!

  25. Idalina Caramelo on

    Cada pai sabe como disciplinar os seus filhos, e a menina agressora deve conhecer Jesus para entender o amor ao próximo

  26. Meus pais nunca apoiaram atitudes erradas, apanhava e era castigada quando merecia, não morri, sempre respeitei as pessoas, do menor ao maior, é bonito o respeito, principalmente quando lidamos com pessoas enfermas, primeiro o respeito e a solidariedade, castigo mais q merecido. Hoje tudo tem q ser com boa conversa, e é por esse motivo q temos vividos cenas orrorosas por alunos para professores, alunos com alunos e o respeito acabou, vc conversa com a pessoa ela concorda com tudo, por traz de vc debocha e da risada e te chama de otaria, e recomeça.

  27. Isso não serve de exemplo é sim de abalo psicológico o exemplo arrasta, transforme, cresce espiritualmente. É muito triste oq esse pai fez . Se a filha fosse zombar de uma pessoa com um menbro amputado esse pai faria oq 😔😔😔🙏

  28. Ta certo eu no luga desse pai teria feito a mesma coisa o que essa menina fez nao é correto meus parabéns a esse pai deve ter ficado com coração partido cheio de arrependimento mais ta certo

  29. Eu Não daria opção nenhuma a filha.
    Tiraria os eletrônicos, daria uma surra e eu mesma rasparia a cabeça.

  30. Ele está errado… se fosse eu, não daria opções, eu faria os dois, jogaria os eletrônicos fora e raspava a cabeça dela… só compraria outro celular depois de fazer 18 anos e com o própria dinheiro dela, se quisesse…

  31. Se ela não demonstrou arrependimento e, ainda assim preferiu os eletrônicos. CUIDADO!
    Fortes indícios de quem tem transtorno de personalidade, passível de Psicopatia!

    Não tem CURA!

  32. Eu não sei se rasparia a cabeca dela,porque opinarmos é uma coisa e agirmos é outra. mas de uma coisa tenho certeza ,tomaria todos os eletrônico dela sem sombra de dúvida e colocaria pra ela ser voluntária no hospital de câncer fazia questão disso ai sim ela em um lugar desse ela iria apreder muita coisa principalmente dar amor ao próximo e respeitar as pessoas falo isso porque ja acompanhei meu pai no hospital desses é um lugar q nos mobilizarmos o tempo todo uns com os outros esses sim séria um castigo ao mesmo tempo ensinamento ela iria se tornar uma pessoa bem melhor .Não condeno a atitude do pai ele fez certo só faria diferente

  33. Ele agiu de acordo que ele achou que devia agir,mas a partir do momento que a filha escolheu ficar careca é porque os eletrônicos lhe fariam mais falta,então eu tiraria os eletrônicos dela.

  34. Ele não a corrigiu, ele a constrangeu….deveria ter tirado suas mordomias e fazê-lá pensar no que fez. Não dar opção de escolher, ele teve uma.boa intenção em ensinar a.filha, mas acho que não. Fez uma boa escolha!…Pelo. que percebi, a menina não aprendeu a respeitar as diferenças das pessoas, não. É raspando.a.cabeça. dela q vai aprender.

  35. Uma das opiniões gostei mais, colocar a garota para fazer serviços voluntários em um hospital para tratamento do câncer. Quem sabe ela vivenciado o sofrimento refletiria sobre sua atitude. Não deveria ter dado opção de escolher castigo, assim fica muito fácil, só isso não achei legal.

  36. Esse cara é tão problemático quanto a filha. Piradão. Toda a pessoa q extrapola na aplicação de uma punição não bate bem da bola.

  37. Todos os castigos que eu tive na minha infância, foi uma forma de me ensinarem por mais cruel que fosse a ser uma pessoa compreensiva e saber lidar com certas coisas, E eu aprendi e muito. Hoje em dia com 19 anos, eu fico grata por ter aprendido algo de bom e essencial. E podendo contar o fato a meus amigos ou conhecidos, para poupa-los de um castigo mais drástico.
    Gente os pais devem SIM, colocar seus filhos na linha. NÃO espancar, mas dá uma lição para eles entenderem que esses tipos de coisas não se deve nem passar pela mente e nem apoiar quem prática, tal absurdo.
    “Provérbios de pais: antes eu pai/ mãe castigar eles do que um desconhecido”

  38. vara do goiaba no lombo é assim que se resolve esses problemas, oque acontece hoje é que a maioria das pessoas que foram bem educadas pelos pais não fazem os mesmos com os filhos.

  39. Nem sempre os filhos seguem os ensinamentos dos pais
    Preferem seguir os amigos e acabam entrando em furadas.
    Pai agiu certo
    No momento tô careca TB devido a um câncer.Meus netos com 17/14/12/3 anos quando me viram careca a primeira coisa que eles falaram p mim.
    Vó vc é linda até careca. Daqui a pouco tá grande de novo.
    Eu respondi p eles com um ar de alegria
    Isso mesmo meus amores vamos respeitar tanto a vó como muitos outros que estão passando por essa dificuldades.
    Vamos respeitar os amigos os adultos .
    Parabéns meus netos pelo respeito

  40. Marcelo Figueiredo on

    Certíssimo. Rasparia a cabeça, jogaria os eletrônicos fora só porque ela gosta muito e ainda pediria desculpas a menina por ter falhado na educação da filha.

  41. Messala Oliveira on

    O quê!? Muita gente achou que ele fez errado??? Com certeza deve ser gente que acha que ele não deveria ter dado duas opções e que apenas raspasse logo a cabeleira dela, só pode!

  42. Octávio Gomes on

    Logo esse pai foi sim muito certo em fazer o mesmo. Porque tens certos abusos que devemos ponderar. Então dizer que o tal dito pai fez a coisa certa!

  43. Ele está mais do que certo pois só sentimos a dor quando passamos por ela. Pior que a amiga que enfrenta um câncer por estar enferma da carne é o dela que está na alma. Corretivo mais que perfeito.
    Pois quando não sentimos comoção pela dor alheia.Somos nós mesmo que precisamos de ajuda. Empatia e reprocidade são tudo. O ser humano deve sim aprendrer a se por no lugar do próximo…
    # PORMAISPAISCOMOESTE.

  44. Francisco Haroldo on

    Bom dia !!! E trsite uma pessoa descobrir que tem uma doença grave; A jovem errou pois não valorizou a sua propria vida, a jovem tem uma saúde boa,a jovem deveria agradecer muito a Jesus Cristo pela boa vida que tem..para valorizar a propria vida só sentindo na pele…

  45. Eu primeiro daria uma surra e depois eu mesma rasparia a cabeça dela sem perguntar o que ela prefere

  46. Eu acho serto tmb muita gente acha que o pai não deu Educação por isso ela fez o tal ato mas os pais sempre educam os filhos mas nem todos fazem proveito disso

  47. Engraçado para alguns aqui citam que o pai deveria ter dado educação, ele deve ter dado educação mas no mundo de hoje as coisas mudaram, vão atrás de amigos que muitas vezes influenciam.
    Os pais podem ser pessoas muito corretas, cuidado ao julgar sem saber.
    O pai deveria sim ter conversado com a menina e dado um castigo.
    Deveria tirar o celular e tudo o que ela gosta e colocaria trabalhar em casa para aprender a ser gente.
    Hoje em dia as pessoas tem medo, eu aprendi desde os meus 7 anos a fazer as coisas em casa, hoje com 16,17,18 anos e dai em diante não sabem fazer nada, são uns intelectuais vivem só de internet e redes sociais.

  48. Eunice Jôse Almeida on

    Enquanto os cabelos dela crescem, ela terá esse tempo pra refletir. Não condeno o pai por ter agido desse jeito.

  49. A meu ver, ele não orecisaria nem ter dafo a essa opção. Terminaria de raspar a cabeça dela e faria ela ir até a menina que ela humilhou e fisesse ela pedir perdão no meio da mesma platéia onde ela mesma fez a humilhação. Isse é a solução pra quem não quis ou não quer se educar de maneira carinhosa com que um pai desse luta oara educar um filho. Parabéns a esse pai, eu no seu lugar faria ainda mais. Ja deu ai acima minha opinião.

  50. Correção das palabras: precisaria, dado, fizesse, para e dei, são as digitações erradas no texto acima. Obrigada.

  51. Ele fez para ela sentir na pele,o que a outra sentiu….ela só ficou careca o cabelo vai crescer.diferente da outra que tem uma doença e não tem cura…com 16 já sabe muito bem o que está fazendo… então que arque com as consequências também….

  52. Ah gente me poupem…O pai deu as opções, a menina que escolheu, sem perguntar se podiam negociar uma 3a opção

  53. Eu achei certo. Os pais não podem espancar os filhos mas podem diciplina-los de forma indolor e sem agredir. Eh melhor aprender em casa do que de forma injusta quando a vida resolver ensinar. Na minha opinião foi um castigo e não violência e ela escolheu raspar a cabeça do que ficar sem os eletrônicos não é como se ela tivesse sido arrastada para lá. Enquanto o pai sustenta e mora em casa é dever dele saber o que melhor pros filhos. Se não está espancando ou coisa do tipo diciplina mal não faz.
    Como disse Augusto cury
    Bons alunos tem sonhos ou diciplina
    Alunos brilhantes tem sonhos e diciplina

  54. Acho que raspar a cabeça ñ vá resolver, tiraria sim os eletrônicos já que demonstrou ter mais amor a eles e colocaria a fazer trabalho voluntário no hospital do câncer pra que ela aprenda a ter mais amor ao próximo .

  55. Sabe o que eu acho mesmo. As pessoas adoram dar palpites na vida alheia. O que ele fez, ou deixou de fazer, a decisão que ele tomou só compete a ele, a mais ninguém. Se cada um um olhasse pra se próprio, se cada um julgasse seu próprio comportamento, já estaria fazendo o certo. Minha opinião, só acho.

  56. Eu acho que o pai está correto em tê-la punido de alguma forma para que não passasse despercebido o ocorrido.
    porém achei que ele foi muito rude com a filha.
    Eu creio que ele deveria ter feito valer a postura de pai e educador e obrigar a mesma a pedir desculpas em público, já que foi em público que ela desrespeitou a colega.

  57. Violência não paga com violência nada melhor que conversar o resto pode deixar que Deus toma conta ele nunca dorme aqui se faz aqui se paga essa é à verdedade (Relampinho).

  58. Conserteza eu apoio o pai da jovem, porque o mesmo ato que ela usou para casuar da outra jovem Que estava passando por um processo complicado na saude, ela tabem teria a possibilidade de carca com as consequencias😘

  59. Cada pai educa como acha melhor, e com certeza agr ela vai pensar duas vezes antes de fazer alguma coisa de novo! Fora q foi ela quem escolheu ficar sem os cabelos, ao invés de ficar sem o celular e outros eletrônicos. Não podem simplesmente julgar o pai assim, ele deu opções, e ela escolheu.

  60. Grande pai
    Digam o que quiserem tem de haver respeito pelos outros,essa menina vai lhe servir de lição,espero eu e o pai grande homem sabe dar educação.
    Já se esqueceram nós só precisávamos de um olhar do nosso pai ou Mãe ,hoje as crianças ,os jovens não têm algo respeito por ninguém e se fosse minha filha ainda leva-va uns tabefes .luisa ribeiro suisse

  61. Super correto a atitude do pai, não teve nada de grave em ter raspado a cabeça da filha, bom que ela aprenda a respeitar limites. Que parece que não tem, quando na reportagem diz que ela não se sentiu arrependida. Cuidado em pai, ela pode voltar contra vc existem vários relatos de filhos matando os pais.

  62. Carlos Eduardo on

    Parabéns ao pai deu uma lição na filha e outra pelo que entendi a menina que escolheu cortar o cabela á tirar seus eletronicos.

  63. Ele deu opção pra menina e ela pra não fica sem os eletrônicos preferio raspa os cabelos, se fosse no meu caso eu mesmo rasparia o cabelo como deixa ela sem os eletrônicos tbm.

  64. Eu acredito que nossos jovens precisam de ações que os torne mais sensíveis, sentimentalista,se colocar no lugar do outro e de acordo com as palavras do “não se mostrou em nenhum momento arrependida “,creio que o melhor que devemos fazer é conseguir por meio legal um hospital de câncer para que a mesma fosse fazer um trabalho voluntário, aí sim,esse sentimento iria nascer dentro dela,acredito que com amor de pai mostrando a ela e passando por esse aprendizado ,um coração de carne vá surgir nessa jovem e restaura-lá. Deus no comando.

  65. Marcia Christina Oschendorf on

    Essa menina nao e mais criança…ela e cruel..o pai foi sensato demais ate…

  66. Já que ele deu a ela uma opção de escolha do próprio castigo, eu teria castigado a com a opção que ela não escolheu.

  67. Faltou na agressora empatia com a menina que está doente! O pai tem a autoridade vinda de Deus e não nos cabe a julgar! Mas a cadeia está cheia de jovens sem valores…ele fez o certo em corta sim o cabelo, na minha opinião, eu seria mais severa ainda… proibiria todas as tecnologias por tempo indeterminado e colocaria a filhaa agressora em contato com ONGs que fizesse trabalho comunitário com pessoas que estão passando por tratamendo do câncer! Ai,sim seria justo e perfeito o castigo! #EssePaiMeRepresenta

  68. Janderson Matos on

    Eu raspava a cabeça dela e tirava todos os seus eletrônicos, principalmente o celular!
    Quando a dor e o sofrimento do próximo não lhe causa empatia, o doente é você.

  69. Está CERTO!! Vamos parar de passar a mão nesses adolescentes rebeldes e sem juízo algum, a maioria tem tudo o que quer e são um bando de mimados que os pais não castigam e crescem com esse egoísmo todo. Uma coisa é certa: se não aprender em casa vai aprender na rua, na rua é a pior forma! Parabéns ao pai, ele está tentando criar a sua filha para não ser um ser humano lixo!

  70. ANGELA SERRANO on

    Eu convivi e convivo com pessoas que sofrem com o câncer…NÃO É NADA FÁCIL!!! O sofrimento é IMENSO!! Portanto, JAMAIS devemos fazer chacota, menosprezar, humilhar, entristecer essas pessoas, pois já sofrem por demais, então…na minha opinião… se fosse minha filha, em primeiro lugar, faria ela pedir desculpas para a garota na frente de todos, tiraria SIM todos os aparelhos eletrônicos, por tempo indeterminado, e rasparia a cabeça dela SIM!!! Já trabalhei em hospital, já cuidei de amiga com câncer e acompanhei seu sofrimento até o fim!! Sou madrinha de uma ala de crianças com câncer do hospital Amaral Carvalho de Jaú….só quem vai lá e faz uma visita, tem a noção do que é aquilo……o SOFRIMENTO!!!!.NÃO tenho dó dessa garota!! Por mim levaria o pior castigo!!! Com o sofrimento dos outros NÃO se brinca!!!

  71. Euder Rodrigues on

    Estamos no final dos tempos infelizmente tudo o que está na bíblia está se cumprindo( lembrando que o Pai fez o correto)

  72. charlespereira37@hotmail.com on

    Achei a atitude do pai muito radical,talvez com um bom diálogo e outro modo de fazer a menina compreender que não agiu de maneira correta, quem sabe ela entenderia o erro ,e mudaria o seu modo de ver as coisas,e se arrependeria !

  73. Parabéns pro pai q fez isso, eu sou uma adolescente mas minha mãe smp mm ensinou a respeitar todo mundo, o pai fez bem certinho em corta o cabelo dela agr ela sente na pele o q a outra sentiu

  74. Este pai está de parabéns eu faria a mesma coisa mas mesmo assim eu tiraria os eletrônicos dela do mesmo jeito

  75. Ele tá certo em raspar a cabeça dela
    Pois tirar os eletrônico dela não ia significa muito
    Pois objetos não tem sentimento
    Raspando a cabeça ela pode sentir o que é ser sem cabelo e ela pode perceber o quanto é constrangido ser caçada
    Se ele só tirasse os eletrônicos ela ia ficar chateada mas não ia fazer muita questão é ia esquecer e fazer de novo.

  76. Mauritânia Alves Sampaio Pimenta on

    Correção dura e significativa, à altura da falta cometida. Pode ser muito difícil atingir o objetivo, porém, devemos tentar que os nossos filhos aprendam empatia. Com certeza, ela será uma pessoa melhor depois dessa experiência.

  77. Certíssimo, e bonzinho, pq eu sabendo que decisão afetaria mais ela, teria jogado os eletrônicos fora!

  78. Já mais faria isso. Acredito que a melhor opção seria colocar a filha para fazer um trabalho voluntário, por pelo menos 30 dias, em uma instituição que trata pessoas com câncer. Assim, a filha poderia ver em loco a luta dessas pessoas pela vida, e, consequentemente, refletir sobre duas atividades

  79. Minha opinião: ele como pai, poderia levar ao hospital do câncer e mostrava a ela(filha) a calamidade que há nesse lugar onde todos eles lutam pela vida,clamam por SOCORRO e pedem a DEUS que os tirem de lá dessa situação!
    O quanto essa doença é cruel corroe qualquer ser humano e a doença não escolhe ninguém simplesmente ela vem para rico,pobre,branco,negro(qualquer cor,qualquer RAÇA)alto,baixo enfim… a doença não escolhe mesmo! e lá (hospital)existe TODO TIPO DE CÂNCER(sinceramente lastimável) de partir,dilacerar o coração. E pediria para que ela (filha) se colocasse no lugar da colega que está com essa doença (pois não é nada fácil enfrentar essa doença,porém SOZINHA ) e não passamos por essa doença por que queremos.
    É preciso sentir a dor do próximo e se ter RESPEITO!
    VAMOS TER MAIS AMOR AO PRÓXIMO,O MUNDO EM SI CARECE DE AMOR, O AMOR DE DEUS!

  80. Osilanda Pereira
    meu deus, quanta ASNEIRA

    1. Não aparece foto alguma da filha, a foto que aparece na noticia é meramente ilustrativa. Não existe contradição. O pai não disse pra jogar todos os eletrônicos da casa fora, isso nem faz sentido, apenas os da filha. Que professora em? Não sabe nem interpretar um texto simples.

    2/3. Ninguém foi agredido. O pai não fez por “vingança”, apenas para ensinar uma lição pra sua filha.

    4. Não diga, sério?

    5. Cabelo cresce, um dia volta mas o abuso que a filha dele fez, fica pra sempre.Não é calor do momento, é fazer a filha sentir na pele o quão ruim é fazer bullying com os outros.Não existe solução definitiva, cada um aprende de uma forma diferente.

    Depende da situação, uma vez que a filha não se arrependeu, foi preciso uma correção DURA e eficaz.Passar a mão na cabeça de bandido não faz ele parar de cometer crimes.

    Imagino quem foi que pediu sua opinião, que é no mínimo superficial, principalmente de uma família que você não sabe nada.
    Se você já assistiu esse tipo de situação e não fez nada, você é uma incompetente como professora.

    O maior problema de sair julgando a familia dos outros é porque todo mundo tem problema familiar.Não faz sentido achar que tá dando lição de moral sobre uma familia que você não conhece.

  81. Tá super correto só assim ela vai sentir na pele o q a outra estava sentindo . Só assim ela vai colocar na cabeça q o q ela fez foi errado só assim ela vai por a mão na consciência é refletir o q ela fez é pedir perdão pra Deus e desculpas ah menina q está passando por esse momento tão doloroso .

  82. Dizem por aí que antigamente as pessoas se respeitavam mais os filhos obedeciam os pais. A educação era mais rígida. Parabéns ao pai que teve coragem pois não é fácil dar um castigo desse tipo a um filho

  83. Concordo com vc Marineide da Silva as pessoas tem que ter respeito para com tdo e tdos.
    Eu além de raspar a cabelo da filha eu tomaria tudo aquilo aquilo que ela tem pra ter contato com as redes sociais e ainda pedir desculpas a colega de classe.

  84. Se fosse filha minha dava uma surra ,raspada o cabelo e tomava os eletrônicos, para aprender respeitar as pessoas. Ainda uma adolescente que está em tratamento de um câncer,como pode um atitude dessa, é um ser humano que não respeita ninguém,quanto menos uma adolescente que está fazendo quimioterapia para tratar um CÂNCER.

  85. Claudia Soares on

    Eu faria o mesmo, e ainda retiraria todos os eletrônicos dela e iria com ela e toda a família visitar um hospital de tratamento oncológico,para se ter noção do é viver essa triste doença.
    Afinal uma garota de 16 anos ja deveria ter respeito e empatia pelo próximo.

  86. Raspar a cabeça não vai adiantar, pois já se viu que ela é ruim. Não se arrependeu …. preferiu coisas materiais ao cabelo. Deve ser psicopata. Nesses casos só cortando a cabeça.

  87. Minha filha tem 3 anos e trata de leucemia, estamos carecas, e nós amamos isso, estou pensando em nem ter mais cabelos! Acho que fez certo, agora ela tb será motivo de risos! Vejo um monte de gente falando que não é certo porque ela não se arrependeu! Outros falando do olho por olho dente por dente! Só achei um erro desse pai, assim que ela raspou a cabeça deveria ter pego os eletrônicos dela e ter feito uma rifa pra ajudar o tratamento da outra! Ai sim seria mt melhor! Dizendo a ela que td ação tem reação. E se ela quiser agora outros eletrônicos terá que correr atrás, porque é facil ter td que quer e ainda se usar disso pra fazer chacotas do sofrimento dos outros, e leve ela pra ser voluntária no hospital. Quem sabe vira gente! Eu ainda teria dado uma surra da porta da escola até em casa! Fazia pedir perdão! Mesmo que não seja sincero!

  88. Agora nos temos culpa desses pessoas com câncer a miora neh n quer sofrer bullying fica em casa
    #forte abraço

  89. Ele deu 2 opções a ela: sem eletrônicos ou raspar a cabeça. Como ela escolheu raspar a cabeça pq para ela ficar sem os eletrônicos seria a pior….eu tiraria os eletrônicos! Acho que ele é que respeitou a decisão dela que foi tipo…dos males o menor! Eu teria feito uma surpresinha e dado o castigo não escolhido! Seria mais sábio!

  90. Todo encarregado deve agir dessa forma sim, com práticas porque por vezes falar não basta os nossos filhinhos devem sentir na pele o que os outros sentem com problemas que lhes assolam.

  91. Este pai está certíssimo, parabéns pela atitude. A educação ela tem que aprender em casa.

  92. Joelma Marques on

    Na minha opinião ele está certíssimo porém eu no lugar dele tbm não daria a ela a oportunidade de escolher não, entre os eletrônico e o cabelo eu tbm os retiradas logo por um bom tempo…..

  93. Será que os filhos dos que não concordam são tão perfeitos e educados quanto a fala dos pais em criticar outro pai ?

  94. Fez o mesmo que eu faria e para completo castigo sim teria tirado todos os eletrônicos dela cortar o cabelo aínda foi pouco

  95. O pai deu a ela a chance de escolher, aí já começou errado…e o que ela escolheu foi o que era MENOS RUIM “para ela”, não creio que o comportamento dela irá mudar por isso, a tendência, ao meu ver, é que esta menina ficará ainda mais preconceituosa, se não houve arrependimento… não é um corte de cabelo que irá mudar isso.
    Apesar da “boa intenção” do pai, não seria a atitude que eu tomaria.

  96. Faria o mesmo, mas sem a opção de escolha, e faria em casa. E mais, acrescentaria o humilhante pedido de desculpas frente a todos os colegas de classe!
    E não digam que ela só seguiu o exemplo de casa. Muitos dos nossos filhos, não nos ouvem!

  97. Certo…Pois Não Sabemos Oq As Outras Estão Passando,Por Isso Devemos Nos Pôr No Lugar Da Pessoa,Então Oq Ele Fez Foi Correto…
    Parabéns Aí Papai❤

  98. Fele fez o certo ele deu duas opção parabéns a ele que sirva de lição para outras pessoas

  99. Cara, eu realmente acho que tá errado !
    Se uma pessoa é capaz de praticar Bullying pelo simples fato de praticar… Imagina que essa menina não seria capaz de fazer através do ódio?!

    Não seria muito mais produtivo colocar a filha para realizar trabalhos voluntários em uma clínica oncológica pra ela aprender com a realidade e a dor do outro ?

    Não sei se tô errada, ou o mundo está ao contrário, mas fui criada pra combater ódio com amor !!

    #Paz

  100. Tiro o chapéu presse pai. Quem for contra ele é pq não tem controle sobre os filhos e deixa os filhos fazerem o q quer. Eu faria o mesmo. É ainda levaria a infeliz para prestar serviço comunitario numa instituição.

  101. Pai, já quê ela não demonstrou nenhum arrependimento, agora tira os eletrônicos e vai com ela até a agredida, e faz ela pedir desculpas, sou mãe de dois um de 25 e outro de 18 eles precisam ser obrigados a respeitar os outros, e somos nós quem temos que impor isso eles.

  102. Certíssimo, ele não foi violento, mandou raspar a cabeça e deveria ter tomado os eletrônicos e ter colocado de castigo durante um mês.

  103. Eu mesma rasparia a cabeça dela e ainda tiraria os eletronicos…e iria pedir perdao a pessoa ofendida….

  104. Fabíola Scaramal on

    Fez certinho, mais eu teria ido além, não teria dado opções a ela. Teria tirado os eletrônicos, teria raspado a cabeça dela e teria feito ela pedir desculpa a meninas.

  105. Estou surpresa hoje em dia os pais vão bater em professores ajudar na maldade do filho. Dou certinho ao pai que sirva de exemplos para muitos pais.

  106. Acredito que o pai fez aquilo que acho adequado, julga-lo não nos diz respeito. A resposta virá com o tempo e a maturidade, ela pode passar uma vida odiado o pai, mas em algum momento refletir e acreditar que o que seu pai fez foi adequado. Vamos respeitar, e só. Sem mais.

  107. Atitude lamentável deste pai! Lavando lama com lama! Assim ele não educa, ele castiga e traumatiza!. Se ele realmente fosse um bom pai a filha dele nem faria isso!.

  108. Parabéns pai! Sua atitude foi correta, não se zomba de ninguém portador de qualquer problema seja ele qual for, ela esquece da Lei da Semeadura, ou seja aquilo que plantar a colheita será obrigatória. 😠

  109. Boa essa,no lugar dele faria a mesma coisa ,precisa existir respeito entre as pessoas e principalmente amor com próximo.

  110. Ozilanda Pereira, são exatamente Professores como a senhora, que nosso Brasil não precisa. Aos pais cabe a decisão de qqr procedimento retórico aos filhos, a senhora cabe o ofício para o qual está sendo salariada, ensinar o que preconiza o currículo escolar.
    Aos demais, mirem bem seus telhados antes de serem invasivos às situações alheias. Já temos STF demais mandando no no Brasil. E vossos telhados, por pouco que sejam, tbm são de vidros. Parabéns pai

  111. Antes de tudo faria ela pedir desculpas… respeito tem que ser recíproco! Depois castigaria…parabéns pai pela atitude agindo dessa forma fez com ela praticasse a empatia (mesmo que forçada).

  112. Engraçado todos falam que o pai está certo mais se fosse a filha de vcs que apoiam esse pai louco vcs rasparam a cabeça da filha de vcs

  113. Eu não só rasparia, como tiraria tudo dela e ainda fazia ela passar vergonha na frente dos amigos, e fazia ela pedir perdão.
    Se todos os pais tomassem atitudes com seus filhos, não teríamos tantos adolescentes delinqüentes, achando que é melhor que os outros, não respeitando o próximo, independente cor, raça, religião, opção sexual ou até mesmo por motivo de doenças!
    Parabéns pai!!!

  114. Eu não faria isso; primeiro teria uma boa conversa com a filha, a conscientizaria, e o principal, a faria se desculpar com a ofendida! Acho que nada melhor que a orientação e conscientização; contudo, cada um sabe o filho que tem!

  115. Ele fez certo até pq ele deu a opção ,se ela preferiu os eletrônicos do que os cabelos e pq já mostra que é uma.pessoa sem caráter sem índole isso não é falta de educação e sim falta de amor ao próximo falta de deus no coração pq só quem passa pela essa doenças sabe o quão e doloroso uma xingacao uma bringadadeira maldosa deus tome de conta e que ela se arrependa.

  116. O pai agiu corretamente, melhor ele ensinar que a polícia, escola é local de aprendizagem e convivência não de brincadeiras. Na escola de minha filha já ocorreu algumas coisas parecidas, sempre converso com algumas mães e pais, certa vez um brupo de garotinhos zombou de um lixeiro, a mãe de um viu, e solicitou ao caminhão parar e falou: deixe meu filho ir 3 quadras com vocês pegando lixo… obrigou o guri fazer isso é filmou… achei perfeito a atitude. Outra situação muito boa foi a de uma menina, essa é a melhor aluna em notas. Seu pai tem 3 carros, um dos anos 70 todo restaurado que não anda por nada, um caminhão velho que usa para entregas e uma pickup linda, só que na hora de ir para a escola a pickup não estava, ele ia levar no caminhão velho pois o carro é de coleção, a criança não quis ir… em resumo: acreditem: A mãe pagou a um carroceiro e obrigou a filha ir de carroça… lição aprendida

  117. Ela teve opção. Raspar a cabeça foi a opção dela. Ele apenas a fez entender que nossas escolhas e atitudes tem consequências.

  118. Certíssimo, nossos jovens estão muito sem limites, e não fazem a mínima idéia do que é compaixão

  119. Triste e feio foi
    o q ela fez com a outra garota q ta passando um momento tao dificil …imagina o constrangimento da menina q teve a peruca arrancada..na minha opinião o pai agiu certo sim …

  120. Ele deu AINDA deu à ela a opção…ela optou! ele está certíssimo! ela tem que aprender a assumir as consequências dos seus atos,que nesse caso,foi bem grave; espero sinceramente que ela aprenda a não continuar sendo tão idiota.

  121. 👏👏👏👏👏👏Dizem que o pai causou violência, desde quando andar sem cabelo é violência? A moça em questão, Esta sem cabelo e com boa saúde, a outra corre um sério risco de morrer , as vezes um castigo , uma boa conversa uma bronca daquelas não resolve ,tem mesmo que ser mais enérgicos sim por isso esse mundo tá de.ponta cabeça , por terem pessoas que acha tudo errado, que nada pode ,dentro de uma casa as autoridades são os pais , não os filhos e se precisar uma boa surra , tem que ter sim (SURRA , NÃO ESPANCAMENTO ) , eu apanhava dos meus pais , essa geração que eu viví , esta em extinção, infelizmente porque tem pessoas que acreditam que existe ,vítimas da sociedade , não pode ,tem que respeitar o espaço da criança, Tem o caramba , a obrigação ao do filho é estudar e ser obedientes aos pais , por isso hoje em dia tem tanto bandido, olha lá o ano em que nasci, quase não tinha malandragem , os filhos obeciam os pais , acatavam às decisões sem respon der , e hoje dificilmente verá um desses que virou marginal.
    Hoje as crianças estão mal acostumadas e os adultos acomodados . PARABÉNS POR SUA ATIVIDADE PAI , AINDA FOI BOM E PEDIU PRA ESCOLHER .

  122. Minha vez de opinar…com licença Osilandia Pereira, pois farei isso com seus pontos como referência:
    1. Contradição: Ele deu a opção de ela jogar os eletrônicos fora, porém ele mesmo usou fotografando e expondo.
    SIM, ELE DEU A OPÇÃO E ELA QUEM PREFERIU. O FATO DO PAI USAR APARELHOS ELETRÔNICOS – DELE OU DELA -NÃO TEM NADA A VER COM HISTÓRIA. TERIA, SIM, SE ELE FOSSE CONTRA OS ELETRÔNICOS E ISSO NÃO FOI MENCIONADO EM MOMENTO ALGUM.
    2. “Olho por olho, dente por dente”, e o mun do acaba em violência gerando violência. Portanto, nenhuma das 2 propostas edificariam na filha o sentimento e índole necessários: amor fraternal e respeito.
    A MEU VER, NÃO FOI “OLHO POR OLHO, DENTE POR DENTE” POIS HOUVE UMA IGUALDADE FÍSICA (DE NÃO TER OS CABELOS) E NÃO UMA AGRESSÃO. O PAI NÃO FEZ O MESMO QUE ELA FEZ COM A COLEGA DE CLASSE PRATICANDO BULLYING E SIM, MAIS UMA VEZ, OFERECEU A OPÇÃO DELA CONHECER A SENSAÇÃO PELO QUAL A OUTRA PASSAVA.
    3. A menina agredida não necessita de ser vingada, mas sim, respeitada e considerada. A ação optada foi inversa.
    SEM DÚVIDA ALGUMA, A GAROTA SERÁ MAIS RESPEITADA E CONSIDERADA! E TENHA CERTEZA QUE NÃO APENAS PELA AGRESSORA.
    4. Se ela não demonstrou arrependimento, prova que a atitude dela provém da aprendizagem na infância.
    TAMBÉM NÃO CONCORDO, POIS PODE SER EXATAMENTE A FALTA DE APRENDIZAGEM NA INFÂNCIA QUE CAUSOU ISSO, E ESSA FOI UMA BRECHA QUE O PAI ENCONTROU PARA LHE ENSINAR.
    5. O cabelo dela demorará muito a crescer , causará ainda arrependimento no pai que fez no calor do momento e em defesa da honra.
    O PAI PODE, REALMENTE, ARREPENDER-SE. MAS SE ELA APRENDER A TER ESSE RESPEITO, O ARREPENDIMENTO TORNAR-SE-Á UM ORGULHO. AGORA, SE ELA NADA APRENDER, PRA MIM, O PAI SEQUER DEVE ARREPENDER- SE.
    TAMBÉM FUI PROFESSORA E ISSO NÃO É VISTO APENAS POR QUEM PERTENCE À PROFISSÃO – CLARO QUE MAIS – E COMO PROFISSIONAL JAMAIS PODERÍAMOS USAR UMA PUNIÇÃO DESSAS. INCLUSIVE ESSA É UMA QUESTÃO A QUAL SEMPRE DISCUTI: O PROFESSOR EDUCA MAS O RESPEITO, PRINCIPALMENTE PELO PROFISSIONAL, É DEVER DOS PAIS/RESPONSÁVEIS.

  123. Eu teria feito minha filha ir de voluntária em um centeo de criancas com cancer pra ver a realidade do que ela ( a colega ) enfrenta. E teria confiscado os eletronicos E raspado a cabeça dela.

  124. Colocaria ela para visitar centros de tratamento e hospitais de câncer durante 1 ano , todos os finais de semana….além de ficar sem os eletrônicos.

  125. A atitude do pai está correta. Todavia, como no mundo hoje tem a visão de que o errado que é o certo, muita gente, mídia, jornalistas, etc com desvio de conduta irá condenar o pai, já os que tem a conduta ilibada, ou desvio de conduta, irão apoiar o pai.

    NÃO EXISTE MAIS RESPEITO NO MUNDO…

    Enfim, o pai agiu corretamente.

Leave A Reply

  • E-mail: itabiraonlinemg@gmail.com
    Redação Itabira-Online: (31) 98794-2394
© 2020 Itabiraonline - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Marcos Tulio