Casos de miopia aumentam sob alerta de que o estilo de vida das crianças tenha relação com a epidemia - Itabira Online
terça-feira, junho 18

Casos de miopia aumentam sob alerta de que o estilo de vida das crianças tenha relação com a epidemia

Pinterest LinkedIn Tumblr +

Os médicos andam preocupados e é bom você também ficar atento: o aumento dos casos de miopia já alcançou o patamar de epidemia em alguns países, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). A entidade prevê que, em 2020, cerca de 35% da população mundial esteja sofrendo com o problema e, em 2050, o número possa alcançar 52%. No sudeste da Ásia, estima-se que 90% dos jovens sejam míopes.

Essa alteração refracional que prejudica a visão de longe era vista até pouco tempo como um problema de causa exclusivamente hereditária – ou seja, não havia muito o que fazer para combatê-lo. Mas hoje a comunidade científica já pode afirmar que nosso estilo de vida também contribui (e muito) para espalhar esse mal.

Os cuidados na infância

O que pode ser feito para reduzir as chances de miopia nas crianças:

  • Estimule brincadeiras e atividades ao ar livre. Uma hora por dia é o mínimo recomendado para evitar a miopia
  • Limite o uso de aparelhos como smartphones, tablets e televisores. A Academia Americana de Pediatria chega a estipular o tempo de exposição ideal para o início da infância. Segundo a entidade, bebês não devem ter contato com eletrônicos. Para crianças de dois a cinco anos, a entidade recomenda no máximo uma hora por dia em frente à tela
  • Ensine as crianças a não usar os aparelhos eletrônicos antes de dormir. Eles devem ser desligados pelo menos uma hora antes de deitar na cama
  • Não instale equipamentos como televisão e computador no quarto da criança e não permita que ela durma com tablet ou smartphone por perto
Share.

Leave A Reply

  • E-mail: itabiraonlinemg@gmail.com
    Redação Itabira-Online: (31) 98794-2394
© 2020 Itabiraonline - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Marcos Tulio